ESG – as novas práticas do universo corporativo e a música

– a adoção de critérios ambiental, social e corporativo nas empresas e a proximidade com a música –

         Os critérios ESG – Environmental, Social and Governance – são uma forma de analisar as empresas sob o ponto de vista de suas ações, avaliando o grau de comprometimento com o meio ambiente, com o meio social e a governança. Aqui, analisaremos a interação entre os critérios de ESG e a música.

         As decisões, por meio de critérios ESG, também são conhecidos como investimentos de impacto, investimento socialmente responsáveis e investimentos sustentáveis.

         Os termos sustentável ou sustentabilidade, atualmente, são muito difundidos em todo o mundo. Dizem respeito ao impacto em razão da nossa existência. A ideia central é a de gerar um impacto positivo, oferecer legados.

 

ESG – as novas práticas do universo corporativo e a música

 

         Mas, acima de tudo, significa que a nossa existência deve impactar o mínimo o possível negativamente e deve, ainda, produzir um legado positivo.

         Por um bom tempo, o tema se limitava ao ambiente acadêmico e, quando muito, era pauta para ambientalistas! Sustentabilidade seria um tema circunscrito ao meio ambiente natural.

         Hoje, entretanto, não é esta a perspectiva que deve prevalecer. Antes, era como se a sustentabilidade não fosse um tema que atingisse todas as facetas da vida.

         Sabemos, hoje, que a discussão sobre o tema deve envolver todas as pautas de relacionamento, devendo ser diretriz geral de atuação. Principalmente, na seara corporativa.

 

ESG – as novas práticas do universo corporativo e a música

 

         E se o propósito é conscientizar e transformar, nada mais natural do que envolver a música neste processo. A música aumenta o engajamento à ideia, qualquer ideia. A difusão de valores e novas perspectivas é muito mais exitosa, quando envolve a música.

         Além de a difusão de valores por meio da música ser mais eficiente, a apreensão ou incorporação dos valores nela contidos é muito maior.

         Então, a música pode ser, ela mesma, veículo de transmissão de valores relacionados à sustentabilidade, como pode o evento corporativo – pautado por critérios de ESG – dialogar com o público sobre tais valores, utilizando a música como instrumento.

         Cria-se, com a música, um ambiente de maior suscetibilidade à apreensão de novas ideias. A música é o instrumento ideal para a discussão e fomento de ideias inovadoras.

 

By | 2020-11-20T10:21:48-03:00 novembro 20th, 2020|Corporativo|0 Comentários

Sobre o Autor:

Deixar Um Comentário